terça-feira, 1 de setembro de 2009

ENTREVISTA COM BÁRBARA BRANT, MISSIONÁRIA FUNDADORA DO PROJETO CONQUISTANDO A TERRA

Conheça esta jovem missionária que tem desenvolvido um importante trabalho missionário para a glória de Deus http://barbarabrant.blogspot.com/

MissioUbe5Certo

A PAZ DO SENHOR JESUS MISSSIONÁRIA BÁRBARA! MUITO OBRIGADO EM NOS CONCEDER ESTA BREVE ENTREVISTA PARA OS LEITORES DE NOSSOS BLOGS.

1. NOS FALE UM POUCO SOBRE VOCÊ, COMO FOI SEU ENCONTRO COM JESUS CRISTO? VOCÊ NASCEU EM UMA FILHA CRISTÃ?

Venho de família católica. Minha mãe e uma tia se converteram quando eu tinha 10 anos de idade, desde então frequentei igreja e me envolvia nas atividades. Porém, como sabemos, salvação é uma experiência individual. Só fui ter uma experiência com o Senhor, de conversão e Batismo no Espírito Santo em 12/10/1999, com 16 anos de idade. Apesar de alguns vacilos típicos da juventude, estou envolvida na obra desde então.

2. QUAL FOI SUA MAIOR DIFICULDADE COMO UMA NOVA CONVERTIDA?

Minha dificuldade maior, acredito que não foi em decorrência da conversão, mas da própria dificuldade dos jovens. O diabo sempre busca formas de nos seduzir, e em muitas situações tive meus olhos ofuscados com os manjares do inferno. Mas, Deus, em infinita misericórdia e graça, nunca desistiu de mim.

3. COMO FOI QUE HOUVE EM SEU CORAÇÃO O DESPERTAMENTO POR MISSÕES?

Hammm!!! Como explicar o nosso chamado?

Eu nunca fui dessas pessoas quietas, sempre estou em movimento, procurando coisas para fazer. Definitivamente, nunca me enquadrei nesse evangelho frio, de cultos aos domingos, uma reunião aqui e outra ali. Vida social, o mundo oferece uma bem melhor!!!

Cultos sobre missões sempre me aqueciam o coração.

Uma noite, acompanhando minha mãe em uma vigília em Londres, quando eu tinha ainda 14 anos de idade, recebi uma palavra que seria evangelista. Apesar de eu ainda não ter tido uma experiência de conversão, essa noite não me sai da cabeça.

Não sei ao certo onde comecei a me envolver com missões e evangelismo. Sei que não tem outra coisa para eu fazer. Não me vejo fazendo mais nada.

4. VOCÊ SENTIU A NECESSIDADE DE UM PREPARO PARA ESTA OBRA, ESPIRITUAL OU INTELECTUAL? PODE NOS FALAR? E SE SIM, PODE NOS DIZER SE FEZ DIFERENÇA OU NÃO?

Para ser sincera, não me sinto preparada. A cada dia preciso me aprimorar e crescer, isto é desenvolver a salvação.

Para o crescimento espiritual só tem um caminho: Oração, Jejum e Leitua Bíblica. Não adianta mais nada. Todos grandes homens e mulheres de Deus trazem uma história de vida de oração, jejum e leitura bíblica. A vida de Jesus trás está marca. Jesus orava, orava, orava e orava... Nas horas vagas ele pregava e fazia milagres. Assim busco crescer espiritualmente, orando, jejuando, lendo a bíblia.

Sou uma pessoa naturalmente curiosa. Isto me levou a estudar e ler muito. Estou sempre com um livro na mão, e buscando cursos e congressos para estar participando. Atualmente faço o curso de Formação Missionária. Além de cursos voltados para a minha profissão: Psicologia.

Vejo muito crente preguiçoso e mão-de-vaca. Aqueles que não lêem, não buscam crescer, não investem em seu crescimento e nem para comprar um bom livro!!! Isto é terrível. Por isso crescem tantas teologias baratas, que prometem mundos e fundos.

5. VOCÊ PODE NOS FALAR DESSE PROJETO QUE A IRMÃ FAZ PARTE, O "CONQUISTANDO A TERRA", QUAL O SEU FOCO E COMO A IGREJA DO SENHOR PODE AJUDAR?

O modelo do Projeto Conquistando a Terra é o tipo de trabalho que sempre queimou no meu coração. O Conquistando a Terra, propriamente dito, começou em 2005, em uma igreja que eu fazia parte. De lá, ele saiu para outras igrejas e em cada lugar que passamos incendeia corações. É algo muito de Deus, senão, não chegaríamos até aqui.

O Projeto Conquistando a Terra é um ministério independente e interdominacional, que procura fazer alianças com as igrejas evangélicas para desenvolver o trabalho, e receber apoio.

Recebemos cobertura espiritual de um grupo de pastores de diferentes igrejas, no qual denominamos Conselheiros, que dão orientação e apoio a Liderança do Projeto, além de ser o grupo que a Liderança recorre para fazer prestações de conta.

Contamos com o envolvimento de membros de igrejas que já se aliançaram ao Projeto, que disponibilizam seu tempo e seus recursos para estarem pregando o evangelho em outros lugares.

Não queremos abrir igrejas nas cidades que vamos, mas queremos abençoar os pastores e as igrejas locais e, promover um trabalho de evangelização.

Nossa missão

Nossa missão é atingir cidades e municípios brasileiros que possuam população de evangélicos inferior à 5%, sobretudo no estado de Minas Gerais (o qual se constituí de 853 municípios, sendo que destes, cerca de 190 possuem o número de evangélicos inferior a 5%).

Nossa visão

Temos a adoração como meta e meio para realizarmos missões. O nosso primeiro e fundamental alvo é adorar ao Senhor Jesus e, honrá-lo com a nossa vida. Esta é a razão do nosso viver.

A adoração ao Senhor é o que nos motiva e impulsiona a pregar as boas novas.

Buscamos então, levantar uma geração de fiéis adoradores de Jesus Cristo, comprometida e preparada para a Evangelização do Brasil, disposta a lutar para ver se cumprir em nossa nação os propósitos do Senhor, e então celebrar Sua volta em nossa geração.

É algo que começou do zero. Sem modelos ou cartilhas de como fazer. Aprendemos a fazer nosso trabalho na prática, escutando as direções e estratégias do Senhor.

A primeira viagem fizemos com 21 adolescentes. Uma turma super despreparada. Fomos aprendendo, crescendo, aprimorando. Já fizemos Campanha com 116 evangelistas, de 6 igrejas diferentes. Só Deus para nos capacitar e aprimorar.

Me sinto muito honrada e privilegiada por ser usada por Deus para trazer a luz o Projeto Conquistando a Terra. É algo tremendo, e que tenho certeza que vai crescer muito.

6. HOJE, VEMOS FALAR MUITO SOBRE TEOLOGIA DA PROSPERIDADE, ESCÂNDALOS DE LÍDERES EVANGÉLICOS, ETC...ESTAS SITUAÇÕES TEM ATRAPALHADO O EVANGELISMO FEITO POR VOCÊS?

São situações que atrapalham o evangelho. Não só o meu trabalho em particular. Mas atrapalham o crescimento do Reino. Notícias de escândalos que envolvem pastores, igrejas evangélicas e irmãos na fé, criam um marketing negativo das boas novas. E isso é terrível. E o pior é que a própria igreja que endossa essas notícias. Quando sai uma reportagem falando algo envolvendo pastores e igrejas, são irmãos que criticam e falam mal. Isso me dói! Eu, particularmente, tomo a seguinte postura: Oro para que o Reino de Deus não seja muito abalado e, me reservo de qualquer comentário, pois não cabe a mim julgar. Mas sem dúvida, estas notícias e práticas de pregar a prosperidade e um evangelho fácil nos causam barreiras sim.

7. QUAL A SUA EXPERIÊNCIA MINISTERIAL MAIS MARCANTE? PODE NOS RELATAR?

Pregar o evangelho é marcante. Amo pregar! Não para crentes, mas para impíos. Você pode mudar a história de uma pessoa. Estamos falando de uma história real e eterna. Você pode fazer diferença entre a pessoa ir para o céu ou ir para o inferno. E isso é extremamente marcante.

Mas para citar uma situação, tem uma que sempre me vem a memória. Foi quando estivemos na cidade de Ferros, e foi nos aberto uma porta extremamente interessante. Pregamos dentro da igreja católica. Conversei com o padre, e ele nos passou o microfone e dedicou 25 minutos da missa para a nossa ministração. Eu dei uma palavra, foram ministradas algumas coreografias e um Pastor da nossa equipe fechou a ministração. Essa foi uma experiência bem marcante.

8. OBRIGADO PELA ENTREVISTA. DEIXE UMA PALAVRA PARA NOSSOS LEITORES, QUE DEUS TOCAR EM SEU CORAÇÃO.

Quero agradecer a oportunidade e o carinho do Evangelista Alan e todos os leitores deste Blog que sempre me dão muito apoio.

Espero ter sido um instrumento de Deus para abençoar a vida de cada leitor.

E, mais do que dizer: Ide por todo mundo! Quero convidá-los, Vamos a todo o mundo!!! Se envolva com a obra missionária, você pode fazer a diferença!!!

Deus abençoe!!!

Bárbara Brant

Entrvista publicada em: www.evangelismoitaquerao.blogspot.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...