sexta-feira, 2 de setembro de 2011

A VIDA DO DISCIPULADOR. (Curso preparatório para discipuladores lição 7).

LIÇÃO 7 - A VIDA DO DISCIPULADOR
1 Corintios 10.31-11.1.

Nesse texto Paulo fala sobre a responsabilidade e a consciência de que tinha de viver de modo que não desse escândalo nem aos judeus e gentios, que eram povos que deviam ser levados a Cristo, bem como a igreja de Deus. O que norteava seu comportamento era Cristo. Ele era seu imitador, era discípulo de Jesus.
Através de seu exemplo, podemos trazer alguns ensinos que podem nos ensinar a sermos bons discipuladores:

O Discipulador deve ele mesmo ser um discípulo do Senhor Jesus Cristo: (1 Coríntios 11.1). Como podemos ensinar sobre um Jesus que não conhecemos e estamos sujeitos? (Mt 7. 21-27; 1 Co 9.26-27).

O Discipulador deve sempre buscar uma vida de oração: Mt 26.40,41; At 4.29-31; Cl 4.2-4; Fp 4.6-7.

O Discipulador deve ser fiel: 1 Co 4.1-2. Deve ser fiel a Deus e também a pessoa que está discipulando, sem contar os seus segredos que te confidencia e também não fica fazendo fofoca da vida dos outros. Tem que ter maturidade, expressar o caráter de Cristo Jesus (Gálatas 5.22)

O Discipulador deve ter compaixão das almas: Mt 9.35-38; Atos 17.15-16. Nossa compaixão é demonstrada desde o interesse em buscar as vidas levando-as a Cristo, bem como em nosso comportamento com ela. Até mesmo nosso falar e vestuário demonstram compaixão.

O Discipulador deve ter a consciência de falar o evangelho com simplicidade (2 Coríntios 11.3). O Evangelho é simples!

O Discipulador deve ter a consciência que devemos levá-los a serem discípulos de Cristo, não nosso: O significado de discipulado, ser um imitador e seguidor de Cristo esteve desde o princípio da igreja (Atos 11.19-26 a primeira vez que os discípulos de Cristo foram chamados cristãos, depois de terem sido ensinados por Saulo e Barnabé).

Ev. Alan G. Sá

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...